domingo, novembro 30, 2014

Vídeos Automotivos: Relembre o Ford Corcel II GT!


Fonte: Canal Renato Bellote

Vídeos Automotivos: O estande da Chery durante o Salão do Automóvel de São Paulo 2014!


Fonte: Canal Mecânica Online

Vídeos Automotivos: O estande da Audi durante o Salão do Automóvel de São Paulo 2014!


Fonte: Canal Mecânica Online

Vídeos Automotivos: Test Drive no Mercedes-Benz GLA 200 Vision!


Fonte: Canal Top Speed

Rubens Barichello quebra jejum de 23 anos e é o campeão da Stock Car 2014!


Após sair da Fórmula 1, não ter destaque na Indy, Rubens Barichello se encontrou muito bem na Stock Car. Após seu segundo ano na categoria, o piloto brasileiro conseguiu o título, algo realmente inédito na categoria. Após quebrar um jejum de 23 anos sem nenhum título, "Rubinho" conquistou o título em Curitiba (PR), a última prova do ano, que tinha pontuação dobrada. Em seu último título, Rubens tinha conquistado a F3 Inglesa, em 1991. Com 42 anos, Rubens voltou a sorrir após voltar a ser campeão. Longe dos brasileiros desde 1992, o piloto voltou a ter maior contato com os brasileiros, que segundo ele isso é muito bom, "já estava com saudades". Durante a corrida, tudo isso teve consequências na prova e na corrida de Rubens Barrichello. Largando na pole position, o agora campeão caiu para a quarta posição, ao escapar em uma das primeiras curvas na segunda volta. Pelo rádio, pilotos relatavam que havia algum líquido (óleo ou água) na saída da curva onde Rubinho colocou as rodas de seu carro na grama. Tanto que outros competidores, como Cacá Bueno, também perderam a direção, mas continuaram na prova.


Retrômobilismo#63 - Part. 02: É Gol do Brasil, é Gol da VW, é Volkswagen Gol!


Continuando a segunda parte da longeva história do Gol, voltamos ao ano de 1999, mais precisamente em Abril, quando mais um face-lift chegaria ao hatch, escolhido por muitos, como o Gol mais belo já produzido, no qual eu concordo em gênero, número e grau. Trazendo um ar de modernidade para o final dos anos 90, o Gol "G3", como ficou conhecido, trazia formas mais retilíneas e faróis de superfície complexa, transparente de maior alcance. Frente e traseira mudava de uma forma tão radical, que nem lembrava o Gol "Bola", lançado em 1994. O interior trazia um refinamento nunca antes visto em um Gol. A versão GTI continuava no G3, mas sem grande sucesso, tirava o visual esportivo pois perdia saias laterais, a bolha no capô e se tornava um "carro comum" na linha Gol, se não fosse a motorização. Porém o bom motor 2.0 16v estava lá, rendendo os mesmos 145,5cv de potência. O desempenho era um dos melhores do segmento, algo que manteve desde o Gol G2.


Em 2000 era lançada a versão 1.0 16v Turbo, um grande salto de tecnologia na linha Gol, que com ajuda do governo, que dava menos IPI a carros com motores 1000, fez a Volkswagen se beneficiar a lançar o inédito motor mil turbo ao mercado. Com turbocompressor, o 1.0 Turbo da Volkswagen conseguiu chegar a uma potência de 112cv de potência e torque de 15,8kgfm, o mais potente 1.0 já fabricado no Brasil de fábrica. Conseguia fazer de 0 a 100km/h em 9,8 segundos com velocidade máxima de 191km/h, ficava no mesmo patamar do antigo 2.0 8v. Além do Gol, esse motor também equipava a Parati, ambos com visual mais nervoso, como rodas de liga leve de aro 14" polegadas, faróis de máscara negra, aerofólio traseiro e era um pouco mais baixo que os demais Gols a venda. Tornou-se mico de vendas após os donos não usarem o óleo para motor 16v, usando em seu lugar o óleo de 8v, o que fazia o motor fundir. Em 2002 a Volkswagen viu que os motores aspirados estavam começando a ficar desatualizados, fez o 1.0 16v subir para 76cv de potência na versão Power, com torque de 9,7kgfm. Logo em seguida, o 1.0 8v também passou por aperfeiçoamentos e passava a render 65cv e torque de 9,1kgfm.

sábado, novembro 29, 2014

MINI convoca 134 unidades da nova geração do Cooper para recall no Brasil, com defeito nos bancos dianteiros!


A bruxa dos recalls está solta. Depois de Fiat Grand Siena e Chevrolet Montana, chega a vez da MINI convocar seu recall no Brasil. As unidades envolvidas são do hatch de imagem Cooper, que possui defeito no estepe. A marca convoca 134 unidades das versões Cooper 1.5 e Cooper S, fabricadas entre 18 de Agosto a 12 de Setembro de 2014, que deverão comparecer até uma concessionária da MINI para poder reparar o problema. Segundo a MINI, "há a possibilidade dos parafusos do mecanismo de controle de inclinação dos bancos dianteiros não estarem devidamente ajustados, causando um movimento abrupto nos encostos dianteiros, podendo gerar acidentes e danos físicos e materiais aos ocupantes dos veículos e terceiros.". Para mais informações, o Grupo BMW (BMW e MINI) oferece o seu 0800 (0800 707 3578 ou pelo site da BMW (www.bmw.com.br) ou da MINI (www.mini.com.br). Confira abaixo a numeração final dos chassis dos modelos envolvidos.


Final dos Chassis

  • MINI Cooper - 2A63447 a 2A64187
  • MINI Cooper S - 2A02973 a 2A80868

Suzuki e Projeto Tamar entram em parceria e Jimny é escolhido como carro oficial do projeto!


A Suzuki e o Projeto Tamar entraram em parceria no Brasil. O pequeno Jimny foi escolhido pelo projeto como o carro oficial do projeto, criado em 1980. Conhecido internacionalmente, o Projeto Tamar é um dos projetos mais bem sucedidos na conservação marinha, serve como exemplo a outros países, pois envolve seu empenho nas costeiras, com um trabalho socioambiental. Segundo Vanessa Massaro, gerente de marketing da Suzuki, “estamos muito felizes com essa parceria, já que trata-se de um Projeto muito bacana, sério, um trabalho admirável e que tem tudo a ver com a Suzuki, uma marca jovem. Além do que, estamos abrindo portas em Fernando de Noronha, um lugar estratégico para a marca e perfeito para nosso SUV compacto Jimny, que encara qualquer desafio”


O destaque do Projeto Tamar está na conservação da vida marinha, cuidando de 5 espécies de tartarugas marinhas, sendo o destaque do projeto. Isso abrange 1.100km em praias, em 25 localidades em área de alimentação, crescimento, descanso e principalmente na desova das tartarugas, que abrange 9 estados brasileiros. O Projeto Tamar é realizado pela Fundação Pró-Tamar em colaboração com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, e patrocinado pela Petrobras desde 1982, através do Programa Petrobras Socioambiental, mostrando que estamos sim, preocupados com nosso ecossistema. Ponto positivo para a Suzuki, que entendeu a proposta do projeto.


Fonte: CARPLACE

Chevrolet convoca recall de 5 unidades da Montana no Brasil, que tem risco de incêndio!


A Chevrolet está convocando recall de 5 unidades da picape compacta Montana no Brasil. O problema está no tubo de abastecimento do tanque de combustível. As unidades afetadas foram fabricadas entre 14 de Junho a 23 de Setembro de 2014. Segundo a Chevrolet, "existe a possibilidade de rompimento parcial ou total do tubo de abastecimento do tanque de combustível, ocasionando vazamento de combustível na região traseira inferior do veículo, próxima ao tanque. Caso o isso aconteça, poderá ocorrer desde um pequeno gotejamento até o vazamento de uma quantidade representativa de combustível durante o abastecimento ou em condições onde o veículo encontra-se inclinado, permitindo um princípio de incêndio em eventual contato do combustível com chama externa, com riscos de queimadura e lesões físicas aos ocupantes e a terceiros.". Para solucionar o problema, a Chevrolet já está convocando os proprietários, que devem agendar o serviço pelo site oficial da Chevrolet (www.chevrolet.com.br) ou pelo 0800 da marca no Brasil (0800-702-4200), da Central de Relacionamento Chevrolet.


Final dos Chassis

  • Chevrolet Montana - FB112093 a FB151541

Chevrolet Onix ganha prêmio com menor índice de desvalorização do mercado!


O Chevrolet Onix levou o prêmio por ser o carro com menor índice de desvalorização do mercado em 2014. Lançado em 2012, o hatch compacto da Chevrolet conseguiu o feito ao disputar com todos os carros do mercado. O Prêmio Maior Valor de Revenda, da agência AutoInforme, é baseado na pesquisa que mostra a depreciação entre os carros mais vendidos no mercado com 1 ano de uso. O período do levantamento foi de de Novembro de 2013 a Novembro de 2014. Com depreciação de 8,5% ao ano, o Onix foi o líder disparado, seguido pelo Fiat Palio com depreciação de 9,4% ao ano, seguido pela surpresa da pesquisa, o Volkswagen Golf, com depreciação de 10,3%, Volkswagen Gol com 10,5% e Ford New Fiesta Hatch com 10,8%. O prêmio leva em consideração que as marcas valorizem mais seus carros no Brasil, estimulando montadoras e importadoras a valorizarem seus produtos. Além do Onix, outras 15 categorias foram sorteadas, cada um com seu representante. Logo abaixo veja a tabela.


Outras 15 categorias
- Chevrolet Onix (Hatch – 8,5%)
- Renault Master (Comercial – 10,7%)
- Fiat Palio Fire (Entrada – 10,9%)
- Volkswagen Golf (Hatch Médio – 10,3%)
- Fiat 500 (Hatch Premium – 12,4%)
- Chevrolet Spin (Minivan – 12,7%)
- Honda Fit (Monovolume – 11,7%)
- Fiat Weekend (Perua – 13,8%)
- Fiat Strada (Picape Pequena – 11,2%)
- Toyota Hilux (Picape Média – 13,2%)
- Hyundai HB20S (Sedã Pequeno – 11,6%)
- Toyota Corolla (Sedã Médio – 12,7%)
- Ford Fusion (Sedã Grande – 13,1%)
- Ford EcoSport (Utilitário Esportivo Pequeno – 11,1%)
- Honda CRV (Utilitário Esportivo Grande – 11,9%)


Fiat convoca recall de Grand Siena no país, que tem problemas na coluna de direção!


A Fiat está realizando um recall que atinge os proprietários do sedan compacto Grand Siena no país. O modelo tem uma falha na coluna de direção, que pode ter trincas. Segundo a Fiat, o encaixe da base do volante pode trincar em sua superfície, "o que acarretaria possibilidade de desconexão entre os componentes, comprometendo o comando de direção e ocasionando risco de acidente", declara a italiana. As unidades envolvidas no recall foram produzidas entre 30 de Maio de 2014 a 16 de Julho de 2014, nas versões 1.4 MPI Fire 8V Flex, 1.4 MPI Fire 8V Tetrafuel e Grand Siena Essence 1.6 E. Torq 16V Flex, ou seja, todas as versões do Grand Siena. Não se sabe quantas unidades foram afetadas. A Fiat comunica que os proprietários das unidades envolvidas no recall devem fazer um agendamento prévio nas concessionárias da marca para verificação e, se necessária, substituição de todo o conjunto do volante. Para realizar o agendamento ou para maiores informações, a Fiat oferece o seu 0800 (0800 707 1000) ou seu site no país (www.fiat.com.br). Veja abaixo o chassi dos modelos envolvidos.


Final dos Chassis

  • Fiat Grand Siena - 197132F32F3207533 a 9BD 197163F3216402

Retrômobilismo#63 - Part. 01: É Gol do Brasil, é Gol da VW, é Volkswagen Gol!


Em meados de 1975, a Volkswagen do Brasil já pensava em substituir o cansado Fusca no mercado, pois já tinha mais de 20 anos sem grandes mudanças em seu visual e projeto. Seu projeto deu início em Maio de 1976, chamado internamente por "BX", ficou conhecido posteriormente por Gol BX, nome do carro e do projeto. Porém, antes de chamar Gol, a Volkswagen pensava no nome Angra, que acabou abortado pela marca, confirmando o nome Gol ao carro de maior sucesso da marca alemã no país. Lançado no dia 14 de Abril de 1980, a Volkswagen lançava o Gol, carro que seria o substituto do Fusca, tinha como inspiração a primeira geração do Golf, sucesso na Europa desde 1976, quando foi lançado. Por aqui, o Gol foi um carro que não conquistou o consumidor de início, que via com estranheza o novo carro "popular" da Volks, não fez muito sucesso graças ao fraco motor.


O motor era o 1.3 Boxer refrigerado a ar rendia 38cv (algum tempo depois passou a render 42cv e com torque de 9,2kgfm após ganhar turbina de arrefecimento), com torque de 9,1kgfm, sempre com câmbio manual de 5 velocidades. Apesar do tamanho tinha bom espaço interno e um porta-malas de 380 litros. Trazia como novidades da época, cintos retráteis e rádio AM, ambos opcionais, já que vinha "pelado" de fábrica. O consumo média ficava na média dos 15,8km/l, o que era muito bom para um carro da época, melhor ainda nos dias de hoje, porém não correspondeu as expectativas dos consumidores. Ia de 0 à 100km/h em 22 segundos com velocidade máxima de 130km/h. O motor não combinava com o Gol que era tão moderno para época, e não era adequado a suas dimensões. Em seu slogan da época, o Gol usava "o carro que reúne razão e emoção", slogan que foi mudando de acordo com o tempo. Trazia freios a disco na dianteira, uma boa evolução frente ao irmão Passat e ao Chevrolet Chevette por exemplo.


sexta-feira, novembro 28, 2014

Renault Logan deve ganhar a série Exclusive, que traz pequenas novidades e tem preço confirmado: R$50.450!


Uma nova versão do Logan está por ser lançada. Prometida para os próximos dias, a marca francesa deve lançar a nova versão baseada na atual topo de linha, a Dynamique. A Exclusive deve ganhar apenas alguns detalhes externos, como retrovisores pintados na cor preto brilhante, maçanetas na cor da carroceira e adesivos que identificam a série, já no interior mudam somente as maçanetas, que são cromadas. Possivelmente uma série especial, a Exclusive deve ser vendida com câmbio manual de 5 velocidades e automatizado Easy'R, oferecida apenas com motor 1.6 8v Flex que rende 106/98cv de potência. Entre os principais itens de série, estão o sistema multimídia Media NAV 1.2, banco do motorista com regulagem de altura, banco traseiro rebatível, iluminação no porta-malas, alarme perimétrico, farol de neblina, câmera de ré, sensor de estacionamento, retrovisor elétrico, vidros elétricos dianteiros e traseiros, travas elétricas e computador de bordo, finalizando com ar-condicionado, direção hidráulica, rodas de liga leve de aro 15” polegadas, ABS e airbag duplo. O preço deve ficar na casa dos R$50.450 para o manual e R$52.850 para a opção com câmbio Easy'R.


Autos Segredos

Peugeot divulga a primeira foto oficial do interior do nosso 2008, que deve ser lançado em Março de 2015!


Após apresentar as primeiras fotos oficiais do 2008 no dia 17 de Outubro, agora a Peugeot mostra a primeira foto do interior do seu primeiro SUV Compacto. Com interior bastante parecido com o do 208, o 2008 "made in Brazil" deve chegar definitivamente ao mercado entre Março a Abril de 2015. A foto, da versão topo de linha do 2008 traz interior com volante multifuncional, painel de instrumentos mais elevados, tela touchscreen de 7" polegadas com central multimídia e interior em duas cores, algo um tanto raro atualmente no mercado, faz lembrar o interior do renovado Chevrolet Cruze.


Além disso, a Peugeot confirmou outras duas novidades, que ficam no no console central, na alavanca do freio de mão do tipo aviação e o seletor do "Grip Control", que se encontra próximo ao botão de comando elétrico da cortina do teto solar panorâmico, finalizando com o interior, já dito, que terá  tons marrons no revestimento do painel, portas, console central, bancos e até mesmo no tema da tela multimídia sensível ao toque. Por aqui o 2008 deve usar dois motores 1.6 16v. O primeiro deles é um aspirado, que rende 122/116cv de potência, com opção de câmbio manual de 5 velocidades e o outro é um turbo, com 165cv de potência e torque de 24,5kgfm de força, com opção de câmbio manual de 5 marchas ou automático de 6 velocidades, com preços que devem ficar na casa dos R$60.000 aos R$85.000.


Até a Maserati entra na onda do Black Friday no Brasil e dá descontos de R$40.000 ao Ghibli!


Lançado recentemente ao mercado brasileiro, a Maserati está fazendo uma proposta um tanto inusitada no mercado. Comum em carros mais populares, o modelo entrou na onda do "Black Friday" ao estar sendo oferecido com desconto de R$40.000. Na única concessionárias da marca no país, a italiana diz que é "desconto de fábrica", mas tão logo no dia da maior promoção do mundo? Estampado no vidro da concessionária, a promoção dá desconto de generosos R$40.000 a quem comprar um Ghibli, em qualquer uma das versões, seja a S ou a SQ4. Com preço de tabela de R$590.000 para a versão S e R$690.000 para a versão SQ4, o modelo está sendo vendido por respectivos R$550.000 e R$650.000. Ambas as opções vêm com motor V6 3.0 twin-turbo, mas com 330cv e 410cv, respectivamente, com transmissão automática de oito velocidades e a tração traseira no S e integral no SQ4. Desde seu lançamento, em Setembro, o Ghibli vendeu pouco menos de 10 unidades no mercado, sendo 4 comercializadas no mês passado.

Fonte: Notícias Automotivas

Chevrolet oferece descontos que vão dos R$5.000 aos R$11.000 em todo o país no Black Friday!


A Chevrolet sempre participou do Black Friday no Brasil. A promoção da americana sempre foi muito bem "gorda". Este ano, a marca preparou descontos que chegam dos R$5.000 aos R$11.000. Omodelo que recebe descontos de R$5.000 é o Onix na versão 1.4 LTZ que tem preço de tabela de R$50.040, está sendo vendido por R$45.040, desconto de R$5.000. Outro modelo que tem bons descontos é o Cobalt 1.8 LTZ que tem preço de tabela de R$59.200, está sendo oferecido por R$52.200, redução de R$7.000 no preço do sedan. Já o Cruze na versão 1.8 LT com o visual antigo, que tem preço de tabela de 78.800 está sendo vendido por R$67.800, ou seja, uma redução de R$11.000. Os modelos Onix e Cobalt são modelos 2014/2015, enquanto o Cruze é 2014/2014. Diferente da Fiat por exemplo, a Chevrolet oferece a promoção em todas as concessionárias, mais de 600 espalhadas por todo o país. As concessionárias hoje devem trabalhar até mais tarde, e a promoção se prolonga até domingo, enquanto durarem os estoques. A Chevrolet oferece a promoção através do site, onde o consumidor interessado preenche um formulário e vai até a concessionária mais próxima para fechar o negócio.


Fiat entra na onda do Black Friday e dá descontos de R$13.000 para Freemont e Uno, que fica cerca de R$2.500 mais em conta!


A Fiat está "surfando" na onda da promoção Black Friday, que realiza apenas no dia de hoje, é comum durante todo o ano. No Brasil, a marca italiana copiou a promoção americana em dar descontos de R$13.000 para o Freemont por exemplo, que custa durante hoje, R$98.990, antes dos R$112.490 cobrados anteriormente, porém apenas na cidade de São Paulo, onde o desconto chega a esse preço, mais precisamente R$13.450. Na cidade de São Paulo porém, existe apenas 3 unidades a venda com este preço, estendendo a promoção até amanhã. Já o Uno, que recentemente ganhou face-lift, também entra na onda do Black Friday ao ficar R$2.510 mais em conta, mas assim como o Freemont, existe apenas três unidades com o preço de R$32.990, contra os R$35.500 pedidos pela tabela. Assim, a Fiat chega a promoção um tanto tímida, com apenas 6 unidades na promoção e o que é pior, apenas na cidade de São Paulo (SP). Mas é uma boa chance para quem quiser levar um dos modelos. Mas terá que correr se quiser uma unidade...


Subaru apresenta o renovado Impreza, que ganha pequenos detalhes no visual para se manter atual!


A Subaru está apresentando o renovado Impreza, que leve um discretíssimo face-lift. Apresentado em 2012, o atual Impreza já ganha um leve tapa no visual para se manter atual até a chegada da nova geração. Neste ano, a mudança chega apenas ao Japão, mas a partir de 2015 deve chegar a outros países, inclusive o Brasil. As mudanças mais importantes estão no renovado para-choque, que foi redesenhado com molduras decorativas, nas rodas de liga leve cromadas e a inclusão de um defletor de ar na porta traseira, dando um visual mais esportivo tanto ao hatch quanto ao sedã. O interior ganha apenas detalhes mais caprichados, enriquecendo o acabamento do médio. Entre as novidades tecnológicas estão o sistema EyeSight, controle de cruzeiro adaptativo, alerta de saída de faixa, alerta de pré-colisão e alerta de ponto cego. As motorizações seguem as mesmas 1.6 e 2.0 Boxer, com potência entre 115cv e 160cv respectivamente, auxiliado a um câmbio CVT. A leve mudança no visual deve chegar ao Brasil no segundo semestre de 2015.


Grupo Chrysler realiza promoção que dá gasolina grátis á seus clientes até o Carnaval de 2015!


O Grupo Chrysler está oferecendo no Brasil, a promoção que dá combustível grátis até o Carnaval 2015. Os consumidores que comprarem algum modelo da marca Jeep ou o Dodge Journey até o dia 20 de Dezembro irão receber um cartão de abastecimento, um Ticket Car no valor de R$1.630, pagas em três parcelas de R$543,34 por mês, com a data da compra emitida na nota fiscal. Com preço entre R$2,70 a R$3,10 na maioria das cidades no Brasil, é possível comprar mais de 570 litros de combustível, podendo abastecer o carro umas 5 ou 7 vezes com um tanque de 77 litros de capacidade, ou cerca de 10.00km sem precisar gastar para encher o tanque, uma quantia relevante. Segundo Juliano Machado, diretor de Marketing do Grupo Chrysler, afirma que “é como um presente para os apaixonados consumidores do Journey, o nosso campeão de vendas no Brasil, e para os apaixonados clientes da marca Jeep”. A promoção só é válida na compra dos modelos 0km, como: Dodge Journey, e da linha  Jeep, como Compass, o novo Cherokee, Grand Cherokee, Wrangler e Wrangler Unlimited.


Papel de Parede: Audi A3 Cabriolet e novo Honda City!


(Clique nas imagens para ver em tamanho maior)

Tamanho das Imagens: 1600x1200


quinta-feira, novembro 27, 2014

Nova geração da Ford F150 com motor 2.7 V6 EcoBoost consegue fazer até 11km/l!


A Ford lançou nos Estados Unidos da América, vide EUA, a nova geração da F150 este ano. Com diversas novidades, a nova geração da picape ficou 320kg mais leve, o que diminui o consumo da picape. Com o motor 2.7 V6 EcoBoost, a picape faz o incrível consumo de 11km/l em ciclo rodoviário segundo dados do EPA, Agencia de Classificação de Consumo, como se fosse o InMetro no Brasil. O motor desenvolve 325cv de potência e torque de 37,5kgfm de força, com câmbio que pode ser manual ou automático PowerShift. Em consumo urbano, o consumo é de 8km/l, com média de ambos de 9,3km/l. Isso a torna a picape grande mais econômica a vendas nos EUA. Esse consumo se dá graças a eficiência energética da picape, que após "emagrecer" está mais econômica, depois de ganhar a carroceria feita de 95% de alumínio. Por aqui ainda não se sabe se a F150 irá chega, ainda mais depois do plano One Ford, que universifica todos os modelos vendidos no mundo.


Lifan lança promoções para promover o SUV X60 durante o mês de Novembro no país!


Após sua reestruturação, a Lifan mostrou força ao lançar o X60, seu principal modelo no mercado e o chinês mais bem sucedido no mercado atualmente. O SUV da marca chinesa está com duas promoções durante os próximos dias. A primeira delas é o "Seguro Total X60", que para quem comprar o modelo ganha um ano de seguro total grátis, inclusive com cobertura para terceiros, para chamar a atenção dos consumidores. Caso o consumidor não quiser o "Seguro Total Grátis", dá para escolher ainda "Emplacamento Grátis" ou "Supervalorização do seu Usado". Além disso, dá para financiar o Lifan X60 com uma entrada de 60% e o saldo em 12 meses com taxa 0% de juros. Além disso, o X60 também está participando da promoção "Test Drive Premiado". Quem fizer o test-drive em um X60 deverá ganhar uma mochila da marca chinesa. Bem equipado e com bom Custo/Benefício, o X60 vem com motor 1.8 16v que rende 128cv de potência. Vendido nas versões Talent e VIP, o X60 vendeu 3.358 unidades nos 10 primeiros meses do ano, ficando em 92º no ranking de vendas.

MINI confirma o fim de linha das versões Coupé e Roadster do Cooper, que permanecem até 2015!


A MINI confirmou o fim de linha do Cooper nas carrocerias Coupé e Roadster, que não devem ganhar uma nova geração como as demais versões. A partir de meados de 2015, ambas as versões deixarão de ser vendidas pela marca inglesa e consequentemente, não deverão ser mais vendidas no Brasil. Segundo o chefe de produto da montadora, Patrick McKenna, "o Coupé e o Roadster serão descontinuados nos próximos meses, já que não conseguiram conquistar os consumidores desde sua chegada ao mercado, há cerca de três anos". Assim a gama da MINI deve ficar mais enxuta, apenas com o Cooper, Cooper 4 portas e o Cooper Cabrio, além de outros dois modelos, o Clubman e o Countryman, que permanecem em linha. No lugar dos dois modelos que sairão de linha, a MINI pretende lançar uma versão elétrica do hatch, possivelmente em 2016 depois do estoque das versões Coupé e Roadster terem terminado. No Brasil, a versão Roadster custa R$145.950 e chega aos R$159.950 na versão JCW. Já o Coupé é mais em conta e parte dos R$129.950!


Lexus já aceita encomendas do NX, que só deve ser lançado no Brasil no primeiro trimestre de 2015!


A Lexus já está aceitando encomendas do NX no Brasil. Com lançamento previsto para Março de 2015, o SUV da marca de luxo japonesa deve chegar ao país para concorrer com o Land Rover Range Rover Evoque no quesito ousadia. O modelo que deverá ter preços na casa dos R$190.000 aos R$230.000 deve ficar abaixo do RX, chega em duas versões, a Luxury e a Sport. Com bons elementos visuais, com estilo esportivo, o NX deve ter apenas uma motorização no Brasil para as duas versões: o 2.0 Turbo que desenvolve 238cv de potência, auxiliado por um câmbio automático de 6 velocidades. Entre os principais itens de série, o NX deve trazer tela touchscreen de 7" polegadas com sistema GPS, sistema de recarga sem fio para dispositivos eletrônicos, controle de velocidade adaptativo, detector de ponto cego e projeção das principais informações da instrumentação no painel, conhecido por "head up display", além de rodas de liga leve de 17" polegadas. A Lexus do Brasil aposta nele, para ser seu novo best-seller nas vendas por aqui, posto atualmente do IS.


Prestes a ser nacionalizado, Volkswagem muda a cidadania do Golf, que passa a ser mexicano!


Quase por ganhar nacionalização, o Golf ganha nova "nacionalidade", agora temporária. O hatch médio que era "alemão", agora se torna um mexicano, podendo trazer mais unidades ao país, depois de pouco mais de 1 ano vindo da Alemanha. O Golf vindo do México inclusive já está nas concessionárias da Volkswagen, segundo a própria marca alemã. Quando chegou ao país, em Setembro de 2013, o novo Golf tinha preço de R$66.990, preço que foi subindo graças ao "dólar" segundo a própria marca, chegou a R$69.510 no modelo mexicano, que deve ganhar uma nova versão de entrada quando passar a ser produzido no estado do Paraná, em São José dos Pinhais. A versão Highline custa R$75.830 e a GTI sai por R$102.680. As três versões seguem sendo vendidas, entre elas a Comfortline, Highline e GTI, que seguem vindo ao país com os motores 1.4 TSI de 140cv e o 2.0 TSI de 220cv, com câmbio manual de 5 velocidades ou automático DSG sequencial de dupla embreagem ou de 7 velocidades nas versões Comfortline e Highline. Em meados do primeiro semestre de 2015, o Golf passará a ser fabricado no Brasil, possivelmente com os mesmos preços.


Ford mostra primeira foto oficial da renovada Ranger, que será lançada em 2015!


Através de um vídeo publicado pelo canal Ford Asia Pacific, a nova Ranger foi descoberta. Depois do lançamento do Everest, este mês, a Ford mostrou a primeira foto da renovada Ranger. O vídeo, de apenas 19 segundos mostra a picape passando por terrenos difíceis, com as palavras "Drive Smarter" (Conduzir de forma mais inteligente), "Challenge Conventions" (Desafios e Convenções), "Achieve More" (Conseguir Mais), até aparecer detalhes da nova Ranger. Logo em seguida o vídeo mostra as palavras em inglês "Smarter, Safer, Smoother e Stronger", que em português significa "Mais Inteligente, Seguro, Mais Suave e Mais Fortes", respectivamente. De fato, o face-lift da Ranger deve ser lançado em 2015, mas ainda sem data prevista para ocorrer, ganhando a mesma frente do SUV Everest, chegando ao Brasil possivelmente no início de 2016, apenas com mudanças visuais, no exterior e interior. A mecânica deve se manter a mesma, com motores 2.5 16v Flex, 2.2 Diesel e 3.2 Diesel, com opção de câmbio manual e automático.

Toyota lança novas versões para Hilux e Hilux SW4 no Brasil, para manter vendas até nova geração!


Com nova geração sendo testada, espera pela nova Hilux no Brasil em 2016. Para se manter até lá, a Toyota lança no Brasil mais duas versões, uma para a picape e outra para o SW4. A versão nova da Hilux é a 2.7 16v Flex SRV com tração 4x2 (era oferecida apenas a 4x4) que diminui o preço da picape média. O motor Flex rende 163/158cv de potência, com torque de 25/25kgfm de força, é equipada com câmbio automático de 5 velocidades, tem preço de R$99.900 e segundo a Toyota, será o diferencial da picape, "pois suas rivais não vendem a versão Flex 4x2 automática". Já a Hilux SW4 ganha a versão SR com o mesmo motor, o 2.7 16v Flex, mas com opção de 7 lugares. Antes, a Toyota vendia apenas a versão com 5 lugares com esse motor. Além disso, a versão topo de linha, a SRV ganha a opção de interior preto, mas sem substituir o bege, que segue em linha. Para 2014, a Toyota se mantém confiante. A Hilux deve seguir com o mesmo patamar de vendas de 2013, pouco acima das 40.000 unidades enquanto a SW4 deve bater mais um recorde de vendas.


Preços

  • Toyota Hilux 2.7 16v Flex SRV AT5 4x2 - R$99.900
  • Toyota Hilux SW4 2.7 16v Flex SR AT4 4x2 - R$122.280

AutoArtigo: a acomodação do "G4", o real motivo da queda no mercado, mas mudanças estão por vir!


O mercado brasileiro é formado por um grupo de 4 marcas, muito bem conhecido por sinal. Trata-se de Fiat, Volkswagen, Chevrolet e Ford nesta ordem de vendas. Desde os anos 80 este grupo se mantem unido, apenas oscilando posições no mercado. A Fiat é a mais nova entre as 4 e é a atual líder do segmento, vamos começar por ela. A italiana Fiat sempre foi uma marca inovadora quando ela quis, claro. Foi ela que trouxe o primeiro motor 16v nacional com o Tempora, a moda dos "pseudo aventureiros" em 1999, trouxe a primeira picape compacta cabine dupla em 2009. Porém, é a marca mais desatualizada no Brasil atualmente. Se formos contar, Palio Fire, Siena EL, Strada, Weekend, Idea, Doblò e Ducato já possuem mais de 10 anos de projeto, sendo o Idea o mais "novo" dos citados, lançado em 2005 no Brasil, mas em 2003 na Europa. Outros, já até fizeram festa de 15 anos, de tão velhos. Velhos que eu digo, no simples sentido de manterem plataforma e tecnologias datadas. Pelo menos o Palio Fire deve sair de cena até 2016, quando seu substituto do tamanho do Volkswagen Up! deve chegar ao mercado. Já a Volkswagen se renovou muito em 2014 com a saída de linha da Kombi e do Gol G4, uns dos veículos mais antigos que o mercado tinha em linha no ano passado, sendo os atuais modelos mais antigos, o Polo Hatch/Polo Sedan, Fox de 2002 e 2003 respectivamente e a família do Gol, de 2008, ainda no ciclo de vida. A VW se atrasa em trazer tecnologias aos seus carros mais em conta e quando traz, cobra demais, achando que os modelos apenas por serem VW valem mais que os demais.


Pelo menos a Volkswagen tem aberto o olho ao trazer ao Brasil, modelos alinhados com a Europa, como a nova geração do Golf e o subcompacto Up!, que trouxe mais tecnologia (porque não aposentar de vez motores como o 1.0 8v, 1.6 8v e 2.0 8v?) ao segmento de Hatch Popular no país, mas errou na estratégia de lançar com preço acima do próprio Gol, o líder da marca. Um dos maiores problemas da Volkswagen é o preço acima dos rivais, falta de itens de série e mais tecnologia, apesar de estar investindo nisso no Fox, por exemplo. Já a Chevrolet é algo parecido com a Fiat. Tem uns dos modelos mais velhos ainda em linha no Brasil, o Classic, com projeto de 1994, o Celta lançado em 2000 e a Montana, com a mesma plataforma do Corsa de 1994. Porém isso deve mudar em breve, já que a GM deve lançar substitutos e novas gerações de cada um em 2016. Já a Ford é a que menos deve levar culpa nesse "bolo" do G4 nas vendas. Ultimamente a marca se esforçou para substituir seus modelos ultrapassados, como o Ka e o Fiesta, sendo este último lançado em 2002, sobrevivendo a base de face-lifts. A melhora na linha Ford se deu graças ao plano "One Ford", de unificar todos os carros da americana, mas falta trazer alguns modelos ao Brasil, como o Escape, a nova geração da Transit e um sonho, a F150.

quarta-feira, novembro 26, 2014

Honda deve lançar motor 1.5 Turbo em 2015 para o Civic não perder terreno no Brasil!


Assim como a Ford com o EcoBoost, a Honda deve trazer o motor 1.5 Turbo ao Brasil para diminuir os índices de consumo para 2016, quando entrar em vigor as novas regras de emissão. Porém a marca não confirmou oficialmente a chegada desse motor ao Civic, mas é um tanto óbvio. Esse motor 1.5 16v Turbo é capaz de desenvolver 200cv de potência, com torque de 26,5kgfm, poderia se tornar a versão "Si" do Civic "Sedan", com visual esportivo e preços na casa dos R$90.000. Segundo o site Auto Esporte, o Civic 1.5 deve chegar ao país já em 2015, mas sem data prevista para chegar ao mercado. Este motor pode ainda, equipar os SUV HR-V em sua versão topo de linha, brigando com Peugeot 2008 THP e Jeep Renegade 2.0 Diesel, mas nele ainda é incerto. Este motor no Civic é quase certo, pois Fit, City, CR-V e Accord não devem usar esse motor. Com isso, o Civic deve se igualar a Volkswagen Jetta Highline TSI, Citroën C4 Lounge 1.6 THP, Peugeot 408 1.6 THP e Renault Fluence 2.0 GT Turbo. Seria uma boa opção ao mercado?


Fonte: Auto Esporte