quarta-feira, abril 12, 2017

Comparativo Nº19: a nova safra dos SUVs Compactos, os novos "Filhos do Brasil"


Você até pode nos julgar dizendo que o último Comparativo feito por nós em 2015 já era dos SUVs Compactos. Mas é justo também dizer que em dois anos, muita coisa mudou. Chegou ao mercado modelos como Hyundai Creta, a nova geração do Suzuki Vitara, o Nissan Kicks, o face-lift do Suzuki SX4 S-Cross, Chevrolet Tracker e Mitsubishi ASX e o Renault Captur, o mais novato dos SUVs Compactos. Muita dúvida surge na cabeça dos leitores. Qual o melhor SUV Compacto? Qual o mais seguro? O com melhor custo/benefício? São tantas dúvidas que pretendemos responder nesse comparativo, que traz algumas mudanças em algumas fases. Tudo para melhorar o que já vem sendo feito nos últimos anos. Confira abaixo quais modelos e as versões que foram escolhidas para este Comparativo.



  • Modelos e Versões

- Chevrolet Tracker LTZ2 1.4 16v Flex AT6 - R$92.990
- Ford EcoSport Titanium Plus 2.0 16v Flex PowerShift - R$94.700
- Honda HR-V EXL 1.8 16v FlexOne CVT - R$101.400
- Hyundai Creta Prestige 2.0 16v Flex AT6 - R$99.490
- Jeep Renegade Limited 1.8 16v Flex AT6 - R$97.990
- Mitsubishi ASX 2.0 16v CVT - R$104.990
- Nissan Kicks SV 1.6 16v Flex CVT - R$91.900
- Peugeot 2008 Griffe 1.6 THP M6 - R$87.990
- Renault Captur Intense 2.0 16v Flex AT4 - R$88.990
- Renault Duster Dynamique 2.0 16v Flex AT4 - R$85.070
- Suzuki SX4 S-Cross 4STYLE 1.4 16v BoosterJET AT6 - R$109.990
- Suzuki Vitara 4SPORT 1.4 16v BoosterJET AT6 - R$107.990





  • Pontuação

Cada Item Avaliado - 10 pontos
1º 10 pontos
2º 6,5 pontos
3º 6,0 pontos
4º 5,5 pontos
5º 5,0 pontos
6º 4,5 pontos
7º 4,0 pontos
8º 3,5 pontos
9º 3,0 pontos
10º 2,5 pontos
11º 2,0 pontos
12º 1,5 ponto
Ponto Especiais 
Itens de Série (Etapa 2 - Custo/Benefício): cada item de série relevante/tecnológico frente a concorrência, 5 pontos
Lançado em... (Etapa2 - Custo/Benefício): cada ano representa uma pontuação diferente. A maior pontuação é da ordem mais novo a mais velho, 5 pontos

___________________________________


  • Etapa 1 - Desempenho (220 pontos possíveis)

0 a 100km/h
0 a 1.000 metros
Retomada 40 à 80km/h
Retomada 60 à 120km/h
Retomada 80 à 120km/h
Velocidade Máxima
Velocidade Real a 100km/h
Frenagem 120km/h à 0
Frenagem 80km/h à 0
Frenagem 60km/h à 0
Consumo Urbano
Consumo Rodoviário
Potência Gasolina e/ou Etanol (este, avaliando apenas Gasolina)
Torque 
Peso/Potência
Peso/Torque
Tanque
Autonomia
Ruído Interno Máximo
Ruído em Ponto Morto
Ruído Interno a 80km/h
Ruído Interno a 120km/h

Vencedor de cada quesito
Chevrolet Tracker - Torque
Ford EcoSport - N/Q
Honda HR-V - Frenagem 80km/h a 0; Ruído Interno Máximo
Hyundai Creta - Ruído em Ponto Morto
Jeep Renegade - N/Q
Mitsubishi ASX - Tanque de Combustível; Ruído Interno a 80km/h; Ruído Interno a 120km/h
Nissan Kicks - N/Q
Peugeot 2008 - Velocidade Máxima; Potência com Gasolina; Torque; Peso/Potência
Renault Captur - N/Q
Renault Duster - Velocidade Real a 100km/h
Suzuki SX4 S-Cross - Frenagem de 60km/h a 0
Suzuki Vitara - Aceleração 0 a 100km/h; 0 a 1000 metros; 40 a 80km/h; 60 a 120km/h; 80 a 120km/h; Frenagem 120km/h a 0; Consumo Urbano; Consumo Rodoviário; Peso/Torque; Autonomia

N/Q - Nenhum Quesito


Resultados da Etapa 1 - Desempenho
1º Suzuki Vitara - 157,0 pontos
2º Peugeot 2008 - 127,5 pontos
3º Suzuki SX4 S-Cross - 124,0 pontos
4º Chevrolet Tracker - 115,5 pontos
5º Mitsubishi ASX - 108,5 pontos
6º Hyundai Creta - 108,0 pontos
7º Honda HR-V - 100,0 pontos
8º Ford EcoSport - 99,0 pontos
9º Renault Duster - 89,0 pontos
10º Nissan Kicks - 88,0 pontos
11º Jeep Renegade - 75,0 pontos
12º Renault Captur - 73,0 pontos

OBS: Etapa primordial para muitos consumidores, o desempenho pode ser uma palavra chave para quem busca certa esportividade num SUV Compacto. Apesar da proposta mais familiar, Suzuki Vitara, Peugeot 2008 e Suzuki SX4 S-Cross formam o pelotão mai ágil do grupo. Vale destacar que os quatro primeiros apostam em motores turbo, o que confere um desempenho maior e um consumo menor que os modelos aspirados. Melhores do resto e separados por apenas 0,5 pontos, Mitsubishi ASX e Hyundai Creta lideram o segundo pelotão. Destaque negativo para Jeep Renegade e Renault Captur, lanternas da lista e quem precisam de um motor ou motor/câmbio melhor para conseguir uma vaga no pelotão intermediário, no mínimo. Já Ford EcoSport, Renault Duster e Nissan Kicks oscilaram demais. Ou eram muito bons em alguns quesitos (2º, 3º) ou eram os piores (9º, 10º, 11º e 12º), o que acabou dando uma posição desfavorável.




  • Etapa 2 - Custo/Benefício (140 pontos possíveis, sem os pontos bônus)

Preço Inicial 
Preço Topo de linha
Preço da versão avaliada
Garantia
Desvalorização
Seguro
Cesta de Peças
Custo de Revisões (até 30.000km ou 50.000km)
Número de Concessionárias
Lançado em...
Vendas Mensais
Vendas no Acumulado do ano
Nota no LatinNCAP
Preço da Pintura Metálica
Itens de Série
Ciclo de Vida/Mercado (Muda em dois anos?)

Vencedor de cada quesito
Chevrolet Tracker - Número de Concessionárias; Ciclo de Vida/Mercado
Ford EcoSport - Preço da Cesta de Peças
Honda HR-V - Desvalorização; Vendas no Mês; Vendas no Acumulado do Ano; Nota no LatinNCAP
Hyundai Creta - Garantia; Preço da Pintura Metálica; Ciclo de Vida/Mercado; Itens de Série
Jeep Renegade - N/Q
Mitsubishi ASX - N/Q
Nissan Kicks - Ciclo de Vida/Mercado
Peugeot 2008 - N/Q
Renault Captur - Lançado em...; Ciclo de Vida/Mercado
Renault Duster - Preço Inicial; Preço Completo; Preço da Versão Avaliada; Custo de Revisões
Suzuki SX4 S-Cross - Seguro; Ciclo de Vida/Mercado
Suzuki Vitara - N/Q

N/Q - Nenhum Quesito


Resultado da Etapa 2 - Custo/Benefício
1º Hyundai Creta - 184,5 pontos
2º Nissan Kicks - 163,5 pontos
3º Jeep Renegade - 148,0 pontos
4º Honda HR-V - 146,0 pontos
5º Renault Captur - 145,5 pontos
6º Suzuki Vitara - 133,0 pontos
7º Chevrolet Tracker - 132,0 pontos
8º Peugeot 2008 - 131,5 pontos
9º Suzuki SX4 S-Cross - 126,5 pontos
10º Ford EcoSport - 126,5 pontos
11º Renault Duster - 116,0 pontos
12º Mitsubishi ASX - 88,0 pontos

OBS: Coincidência ou não, os dois lanternas dessa etapa são os modelos mais antigos do segmento. O Mitsubishi ASX lançado em 2010 e o Renault Duster lançado em 2011 são os modelos que estão a mais tempo sem receber uma nova geração. Em contrapartida, os nove primeiros foram lançados em no máximo, dois anos. O Ford EcoSport fez a ponte entre as duas gerações do segmento. De fato, os mais modernos são os modelos que mais trazem tecnologia e itens de série que não estão presente na maioria dos demais rivais. De destaque, Hyundai Creta e Nissan Kicks são modelos bastante competitivos nesses quesitos, enquanto Jeep Renegade, Honda HR-V e Renault Captur brigaram pelo último lugar do pódio. Únicos importados do segmento, Suzuki Vitara e Suzuki SX4 S-Cross sofreram um pouco em questões de custos, mas não fizeram tão feio graças aos itens de série e tecnologias que salvaram sua pontuação.




  • Etapa 3 - Dimensões (170 pontos possíveis)

Comprimento
Entre-Eixos
Largura
Altura
Porta-Malas
Peso
Diâmetro de Giro
Ângulo de Entrada
Ângulo de Saída
Altura do Solo
Espaço para ombros na dianteira
Espaço para ombros na traseira
Altura do teto na dianteira
Altura do teto na traseira
Espaço para as pernas na dianteira
Espaço para as pernas na traseira
Coeficiente Aerodinâmico (Cx)

Vencedor de cada quesito
Chevrolet Tracker - N/Q
Ford EcoSport - N/Q
Honda HR-V - Espaço para ombros na dianteira; Espaço para pernas na dianteira; Espaço para pernas na traseira; Coeficiente Aerodinâmico
Hyundai Creta - N/Q
Jeep Renegade - Altura do teto na dianteira; Altura do teto na traseira; Espaço para pernas na dianteira
Mitsubishi ASX - Comprimento; Ângulo de Saída; Altura do Solo
Nissan Kicks - Peso; Diâmetro de Giro
Peugeot 2008 - N/Q
Renault Captur - N/Q
Renault Duster - Entre-eixos; Largura; Porta-Malas; Ângulo de Entrada; Espaço para ombros na traseira
Suzuki SX4 S-Cross - N/Q
Suzuki Vitara - N/Q


Resultados da Etapa 3 - Dimensões
1º Renault Duster - 93,0 pontos
2º Mitsubishi ASX - 82,5 pontos
3º Jeep Renegade - 75,5 pontos
4º Honda HR-V - 74,0 pontos
5º Renault Captur - 72,5 pontos
6º Nissan Kicks - 72,0 pontos
7º Suzuki SX4 S-Cross - 69,0 pontos
8º Hyundai Creta - 66,5 pontos
9º Ford EcoSport - 65,5 pontos
10º Peugeot 2008 - 59,5 pontos
11º Suzuki Vitara - 59,0 pontos
12º Chevrolet Tracker - 57,5 pontos

OBS: Apesar de veteranos, Renault Duster e Mitsubishi ASX são os maiores desta etapa. Disparados em relação aos rivais mais próximos, ambos oferecem um bom espaço interno e são o apelo principal para se manterem vivos no mercado até uma nova geração. Apesar das dimensões internas relativamente pequenas, o Jeep Renegade se destaca em alguns quesitos e decepciona por outros. Um deles é de ter o menor porta-malas do segmento, junto ao Chevrolet Tracker. Versatilidade é a palavra-chave do Honda HR-V ao trazer os mesmos benefícios do Fit, de quem deriva. Bebendo da mesma fonte do Duster, o Captur recebe bem os ocupantes e suas bagagens. O Nissan Kicks também segue essa filosofia, apesar de ser um pouco menor no comprimento. SX4 S-Cross e Creta não decepcionam, mas não se destacaram em nenhum quesito. O EcoSport, menor dos SUVs, clama por uma nova geração. Se manteve na linha mediano/baixo em quase todos os quesitos, mas ficou a frente de Peugeot 2008, Suzuki Vitara e Chevrolet Tracker, que precisam dar mais atenção a detalhes na nova geração de cada um, melhorando o espaço interno principalmente.



  • TOTAL - Resultado Final


12º Mitsubishi ASX - 279,0 pontos




11º Ford EcoSport - 291,0 pontos




10º Renault Captur - 291,5 pontos




9º Renault Duster - 298,0 pontos




8º Jeep Renegade - 298,5 pontos




7º Chevrolet Tracker - 305,0 pontos




6º Peugeot 2008 - 318,5 pontos




5º Suzuki SX4 S-Cross - 319,5 pontos




4º Honda HR-V - 320,0 pontos




3º Nissan Kicks - 323,5 pontos




2º Suzuki Vitara - 349,0 pontos




1º Hyundai Creta - 359,0 pontos




Veredicto
Não era difícil de se imaginar que algo seria diferente em relação ao último comparativo, realizado há dois anos. O segmento mudou muito em 24 meses e trouxe quatro novos players, três deles como os melhores do ranking. Hyundai Creta, Suzuki Vitara e Nissan Kicks possuem seus defeitos, mas eles são poucos quando compararmos com os veteranos do ranking, como Renault Duster, Ford EcoSport e Mitsubishi ASX. O ponto negativo fica para o Renault Captur, que tinha tudo para ser um dos melhores desse comparativo mas acabou ficando no pelotão de trás por oferecer um conjunto mecânico defasado e uma lista de itens de série não tão convidativa. Apesar de bem equipado, o SUV francês desaponta mais ainda por ser um lançamento. Já o Jeep Renegade ainda precisa de um novo motor. O SUV é o mais pesado dos doze e o motor 1.8 16v EtorQ Flex é bom para um hatch, mas não para um modelo com mais de 1.400kg. Em sétimo, o Chevrolet Tracker melhorou muito com o face-lift e recebeu o motor turbo. Mas só uma nova geração deve resolver o problema do espaço interno e porta-malas pequeno, o que de uma maneira ou outra acaba sendo descartado por famílias. Em sexto, o Peugeot 2008 só peca pela falta de um câmbio automático na versão topo de linha, item pedido pelos consumidores desde seu lançamento em 2015 e praticamente impossível de caber no cofre do motor. Quinto, o Suzuki SX4 S-Cross também melhorou ao ganhar a opção de motor Turbo, mas o custo/benefício precisa ser avaliado pelo consumidor. Quarto e líder do segmento, o Honda HR-V ainda se mostra um modelo competitivo, quase ficando entre os três melhores do segmento. Nacionalizado há poucos dias, o Nissan Kicks tem chances de se tornar o novo líder do segmento. Se repetir o bom número de vendas de Março com a chegada da inédita versão de entrada com opção de câmbio manual, é melhor o HR-V abrir o olho. Imbatível quando o assunto é desempenho, o novo Suzuki Vitara Turbo é especial para quem gosta de uma certa esportividade e não abre mão de um espaço interno (ainda que limitado) maior que de um hatch. O problema, assim como seu irmão S-Cross, é o preço. Campeão, o Hyundai Creta foi um dos poucos que se manteve linear nas três categorias, com destaque para o desempenho (um dos melhores aspirados) e a relação custo/benefício, a vir com bons itens de série por um preço menor que a concorrência.


O que esperar?


  • Audi Q2
Motor: 1.4 TFSI Flex
Potência: 150cv e 25,5kgfm
Câmbio: Automático, de 6 velocidades
Preço Estimado: R$100.000 a R$140.000
Quando chega? 2018




  • Citroën C4 Cactus

Motor: 1.6 THP Flex
Potência: 173/166cv e 24,5kgfm
Câmbio: Automático, de 6 velocidades
Preço Estimado: R$80.000 a R$105.000
Quando chega? Final de 2017 ou início de 2018



  • Kia Stonic

Motor: 1.6 16v Flex
Potência: 128/122cv e 16,5/16kgfm
Câmbio: Manual ou Automático, de 6 velocidades
Preço Estimado: R$75.000 a R$95.000
Quando chega? 2018



  • Toyota C-HR

Motor: 2.0 16v Flex
Potência: 154/143cv e 20,3/19,4kgfm
Câmbio: CVT
Preço Estimado: R$85.000 a R$110.000
Quando chega? 2018



  • Volkswagen "T-ROC"

Motor: 1.4 TSI Flex
Potência: 150cv e 25,5kgfm
Câmbio: Manual ou Automático, de 6 velocidades
Preço Estimado: R$80.000 a R$110.000
Quando chega? 2019


Nenhum comentário:

Postar um comentário